MEUS TRABALHOS

A tradução é um feitiço impossível de ser quebrado.
Ao longo dos anos, cada nova tradução me trouxe experiência. Aprendi a dominar
diferentes tipos de texto, a me adaptar, a misturar ideias e sentimentos,
a ‘desatar nós’, inclusive aqueles mais complexos. Cada projeto é um sortilégio,
uma trama, que no final se transforma em conhecimento. Saiba mais…


“O objetivo final é que os clientes escolham
a nós, porque somos únicos;
porque oferecemos um serviço diverso
daquele oferecido por todos os outros,
de uma forma diferente, melhor,
com maiores garantias;
porque transmitimos confiança,
profissionalismo, segurança;
porque ao invés de criar novos problemas,
nós os resolvemos.
Em uma única palavra,
porque somos insubstituíveis.”



O Tradutor Insubstituível
por Marco Cevoli
Tradução de Rosangela Fasolato
“CIENTIFICAMENTE: um instante antes
da abertura, o estado que descreve
o sistema completo da caixa
(átomo mais latinha mais gato)
apresenta 50% de probabilidade
na seguinte configuração:
Gato vivo - átomo íntegro
Gato morto - átomo decaído
Até aqui está claro o suficiente. Ou não?
O que poderia desorientá-lo, no entanto,
é que a mecânica quântica diz que o gato se
encontrará em uma condição “estranhíssima”:
nem VIVO, nem MORTO.
A mim isso desestabiliza. É fascinante.
O gato está em um estado EMPUTECIDO sim,
mas INDEFINIDO. Nem VIVO, nem MORTO."

O meu gato odeia Schrodinger
por Luca Montemagno
Tradução de Rosangela Fasolato

"Claro! Você não conhece aquela
história do gatinho
que corre atrás do rabo
acreditando ser a felicidade?
Mais ele persegue o rabo,
mais o rabo lhe escapa.
Se, ao invés, ele não o perseguisse,
o rabo estaria sempre ao seu alcance.
É assim, a felicidade
está dentro de nós.
Não deve procurá-la, mas vivê-la.
Não corra atrás da felicidade:
viva e a felicidade será o seu prêmio."


O homem das pipas
por Erik Minghini
Tradução de Rosangela Fasolato

“Ai”, queixou-se a Tulipa.
“você precisava fazer isso?”
Eu vou abrir em um instante,
você só precisa esperar o sol sair”.
Mas Esmeralda não podia
esperar. Ela abriu caminho
através das pétalas
de vermelho intenso
e saiu para o ar fresco da manhã.
Respirou fundo e deixou que os primeiros raios
de sol tocassem suas pequenas
e delicadas asas."


Esmeralda Grunch e a Tulipa Vermelha
por Debbie Manber Kupfer
Tradução de Rosangela Fasolato

 

                              Vamos trabalhar juntos?

 

Tradução/
Localização
Criação de
conteúdo
Copywriting Revisão Transcrição de áudio Outros serviços