Dialetos, línguas e um tal Brandino Padovano

Pesquisando os alfarrábios da história de Padova e da língua italiana, tropecei em um tal Brandino Padovano (Aldobrandino Mezzabati). Curiosa como sempre, quis saber um pouco mais e descobri que no final de 1200 o “nosso” Brandino Padovano não usava mais o latim para escrever os seus sonetos, mas sim o “vernáculo ilustre”, ou seja, Leia mais… »